boletim humdeabril

Salve cidadãos do mundo!

vamos a um rápido boletim humdeabril com três notícias do 'mundo globalizado' (sic):

[hum] - inexorável liberalização? uns dizem sim, a França diz NÃO!

Emir Sader faz uma rápida análise do resultado do recente referendo popular realizado na França, no qual a maioria da população se manifestou contrária à adesão à Constituição Européia (proposta de uma carta constitucional única para os países integrantes da União Européia).

alguns trechos:

"A França que disse não ao projeto de Constituição Européia é a França antineoliberal, que defende os direitos republicanos, contra seu abandono por parte dos que levam a cabo a proposta de unificação da Europa."

"
O “não” francês é o “sim” a uma outra França, sintonizada com o movimento altermundialista."

clique aqui para ler a íntegra.

---

[dois] - Ciência não é Tecnologia e Verdade não é Mentira - embora não seja sempre tão Verdade assim...

Umberto Eco cita 'pedido de desculpas' de Stephen Hawking (e até os Beatles :) para comentar sobre a confusão freqüente entre ciência e tecnologia, e discorrer brevemente sobre os princípios da ciência moderna.

trechos:

"
Os meios de comunicação de massa costumam criticar a ciência, responsabilizando-a pelo orgulho diabólico com que a humanidade caminha para a sua possível destruição."

" A ciência moderna não crê que o novo está sempre certo."

e olha a íntegra aqui de novo.

---

[três] - serviço humdeabril: lançamento do livro "Carta aos anfíbios"

Ricardo Domeneck (um dos 3 homens altos da foto abaixo), poeta paulista nascido em Bebedouro, emigrado voluntariamente para Berlim - com escala em São Paulo e passagem pelos Estados Unidos -, lança seu primeiro livro de poesias, escrito entre o Brasil e a Alemanha, por uma editora carioca.

confira os DADOS do lançamento:

Carta aos anfíbios - poesias de Ricardo Domeneck

lançamento nesta quarta (1/06)

na livraria Timbre (shopping da Gávea - Rio)

a partir das 19h

---

beijos paratodos

[anfíbios globalizados cariocas paulistas excluídos ou não desta imensa disneylândia :]

4 comentários:

Graziela disse...

Uma grande parte da chamada ciência está de fato em aplicações tecnológicas, nem sempre exatamente

ih, não vai dar para escrever isso aqui não.

Bom, o que eu queria dizer era:

Viva a ciência básica!

[Beijinhos, Dimitri...]

Dimitri BR disse...

ciência básica é básico!

Carolina disse...

estou neste momento me sentindo uma carioca paulista excluída do sei blog. me linka aí, meu!

Dimitri BR disse...

opa! seu desejo é
um desejo que será atendido. aliás, leia lá os comments do seu blog...

beijo